Revisão da Carteira de Ações - Olhando os Resultados


Olá galera!

Algumas empresas já começaram a divulgar os resultados do 4º trimestre de 2022 e com isso, resolvi dar uma revisada nelas pra ver se está tudo certo ou algumas passam por dificuldades, e fazer meus comentários por aqui.


Ações na Carteira em 17/02/2023

 

 

Antes de continuar. Aviso a todos que isso aqui não é recomendação de compra ou venda de nenhum ativo, são minhas opiniões pessoais que compartilho com vocês como forma de estudo e espero ouvir as suas opiniões também. Caso você esteja procurando dicas ou indicações, no Brasil você só pode obter isso legalmente de analistas de valores mobiliários  autorizados pela CVM, lista deles aqui
 

Ambev - ABEV3

Começando pela Ambev, ainda não divulgou resultado, mas depois da fraude das Americanas (AMER3), que tem sócios em comum, a Associação Brasileira da Indústria da Cerveja (CervBrasil) disse que Ambev estaria sonegando impostos, 30 bilhões em "manobras tributárias", em sua defesa a Ambev disse que essa alegação não tem fundamento e que ela segue as regras jurídicas e contábeis. Vou ter que ficar de olho nisso aí, até estou pensando em vender se voltar lá pros R$ 16,00, apesar de ser uma empresa top, pra minha carteira de longo prazo parece não fazer muito sentido, o crescimento está devagar e também não está pagando dividendos como eu gostaria.

No mais, eu espero que os resultados do quarto trimestre dessa empresa sejam bons, devido a copa do mundo, eleições e festas de final de ano que a galera costuma beber muito, ainda pensando pro futuro, esse ano temos carnaval, então minha expectativa para essa empresa é alta no momento. 

Atualização: Saiu o resultado oficial, teve um pequeno aumento no volume, apenas 3% no ano, mas o lucro líquido cresceu bem, 13,5% maior no ano e 35,7% no trimestre, o trimestral veio no que eu imaginava, bom resultado. Segundo notícias, este resultado foi considerado fraco, mas eu achei bom.

B3 - B3SA3

Outra empresa que passa por um momento "difícil" em relação a notícias. Volta e meia surge boato de uma nova bolsa de valores aqui no Brasil, e parece que isso tem impactado um pouco na cotação da B3. Além disso, as corretoras e diversos aplicativos tem facilitado o investimento direto no exterior, fazendo com que muitas pessoas diminuam suas operações por aqui, e ainda temos empresas que tem preferido abrir capital diretamente no exterior, como o caso da XP. 

No Release do 4T anunciaram a compra da Neurotech, empresa de tecnologia especializada em soluções de inteligência artificial, machine learning e big data, eu não faço ideia se essa empresa é lucrativa, mas o tema está bem na moda. Também concluíram a aquisição da Datastock, outra de tecnologia especializada em gestão de estoque de lojas de veículos. Parece que B3 está diversificando seus negócios, eu preferia receber mais dividendos, mas enfim, tomara que esses negócios sejam lucrativos. 

Recentemente até mudaram a forma de divulgar os resultados, separaram o "core business" do resto. 

O Lucro? Caiu 8% 😒

"O lucro líquido atribuído aos acionistas da B3 atingiu R$1.003,8 milhões, queda de 8,0%. Excluindo os itens não recorrentes destacados abaixo, o lucro líquido teria atingido R$1.151,6 milhões no trimestre, queda de 6,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. Por fim, excluindo a Neoway, o lucro líquido teria totalizado R$1.170,5 milhões.".

Se minha interpretação de texto está correta, essa Neoway fez o lucro cair, se excluindo ela o lucro seria maior.... Mas olhando na tabela, parece o contrário, o valor está positivo... fiquei na dúvida.

No geral, me parece que a empresa está com lucro estável e diversificando os negócios, só me preocupo um pouco se o boato da concorrência concretizar-se, as margens vão cair e preço da ação despencar. Pensando aqui se não seria outro caso de tirar da carteira em breve, ou ignoro os ruídos?

Grazziotin - CGRA3

Essa sempre é uma das últimas que divulga resultado, mas não me preocupo muito com ela. Vejo suas lojas sempre tem gente comprando, e a empresa não possui dívidas, então dificilmente terá problemas.

Também nos últimos trimestres a empresa vem inaugurando lojas novas e mudando um pouco, agrupando as várias redes nas chamadas GZT, talvez isso seja uma preparação para expandir o negócio, tomara que sim. Minha expectativa é que o quarto trimestre tenha um resultado muito bom, em breve saberemos.

Atualização 28/03: Resultado não veio tão bom como eu esperava, deu uma piorada no comparativo anual, 2021 tinha sido um ano muito bom para a empresa, 2022 voltou a normalidade. No comparativo trimestral, teve umas variações malucas, a agropecuária que tinha dado um baita lucro deu prejuízo e a floresta que tinha dado prejuízo deu um pouco de lucro, a trevi participações e a financeira também deram resultado 1500% melhor.

https://www.rad.cvm.gov.br/ENET/frmDownloadDocumento.aspx?Tela=ext&numSequencia=601007&numVersao=2&numProtocolo=1076277&descTipo=IPE&CodigoInstituicao=1

Muito louca essas variações. No geral, patrimônio líquido crescendo, receita crescendo, só o lucro teve uma quedinha no ano.

Copasa - CSMG3

Essa deve divulgar dia 28/02. Em 2021 a empresa teve o 3º e 4º trimestres com resultados fracos, mas em 2022 já tinha retomado crescimento do lucro e vinha crescendo forte até o terceiro, acredito que virá um resultado bom.  

Atualização 28/03: Resultado veio muito bom, cresceu receita e lucro. Estoque de água em 100%.

https://www.rad.cvm.gov.br/ENET/frmDownloadDocumento.aspx?Tela=ext&numSequencia=600101&numVersao=1&numProtocolo=1075371&descTipo=IPE&CodigoInstituicao=1

No comparativo trimestral, houve grande melhora contra 2021, mas empatou com 2020.

EDP Brasil - ENBR3

Deve divulgar no dia 27/02, mas dando uma olhada no release do 3T22, tinha receita crescendo um pouco, lucros crescentes, tudo me parece muito bom. Esperando bons resultados novamente.

Atualização 16/03/23: Saiu release, resultado ruim, até chego a pensar que talvez proposital, visto que anunciaram intenção de fechar o capital. Tiveram prejuízo no trimestre, coisa que nunca tinha visto, lendo rapidamente o release, achei o seguinte:

O lucro anual caiu 52,7%, no trimestre ficou negativo devido a redução do valor recuperável de Pecém, algum contador lendo isso talvez possa explicar o significado, eu não entendi. Na última linha da tabela temos lucro líquido ajustado recorrente, quase mesmo valor que 4t/21, ou seja, se não tivesse o tal do Pecém o lucro estaria estável? Foi isso que eu entendi.

https://fundamentus.com.br/graficos.php?papel=enbr3&tipo=2

De qualquer forma, como anunciaram que não querem mais sócios, eu vou sair fora. Se conseguirem fechar o capital, os acionistas vão receber 24 reais por ação, um bom preço, eu já vou sair antes.

Equatorial - EQTL3

Equatorial tem previsão de divulgar resultados dia 15/03. Apesar dos juros altos das dívidas, também vinha melhorando os resultados até o terceiro trimestre, esperando bons resultados.

28/03: Ainda não divulgou...

Fleury - FLRY3

Deve divulgar dia 16/03/23. No 3T22 apresentava crescimento da receita mas queda do lucro devido aumentos nos gastos financeiros, assim como a grande maioria das empresas que possuem dívidas, os juros mais altos afetando os resultados. Não tenho muita expectativa nessa empresa, talvez com o fim da pandemia o pessoal volte a se consultar por outros problemas? Vamos ver.

Atualização 17/03/23: Queda 12% no lucro anual, -56,3% queda lucro trimestral. A receita até aumentou, mas os custos aumentaram mais. 💔


Ainda aguardando o CADE aprovar a incorporação do Instituto Hermes Pardini SA. 

Atualização 28/03: Parece que CADE aprovou essa semana a incorporação.

Grendene - GRND3

Cotação caindo nos últimos meses, ação negociada na faixa dos 6 reais, região de suporte dos analistas técnicos/gráficos. Resultados saem dia 02/03/23, minha expectativa é que melhore, ao contrário da maioria das empresas, a Grendene possui muito caixa e poucas dívidas, então juros altos é positivo. 

Do lado ruim, a parte operacional da empresa parece que vem piorando cada vez mais, tá tipo a Alpargatas, vendendo menos. Pelo preço acho que vale a pena manter, mas se o preço subir sem melhorar o operacional da empresa nos próximos trimestres, (pode acontecer, mercado é maluco) essa é outra que penso em abandonar.

Atualização 16/03/2023: Saiu press release, receita bruta caiu 0,9% e lucro líquido caiu 12,1% no trimestral, já no comparativo anual a receita aumentou 9,6% e o lucro caiu 5,5%, na linha resultado líquido recorrente teve um aumento de 13,2%.

Uma grande parte do resultado dela está vindo do enorme saldo em caixa, resultado financeiro, e a empresa ganhou na justiça o direito de distribuir esse dinheiro para os acionistas, já anunciaram que vão distribuir 1 bilhão em dividendos data-ex 03/05.

Meu medo é que o resultado operacional da empresa continue piorando, sem o rendimento do caixa a empresa vai começar a ter prejuízos. De curioso olhei os Insiders, ainda não vi vendas expressivas, mas teve alguém da diretoria que fez um swing trade recentemente, lucrou uns 62 mil em um mês :). 

Hypera - HYPE3

Empresa top, reportou um baita lucro em sua apresentação, e em seguida o preço da ação cai 4%. Vai entender o Sr Mercado 😂 

 

Apresentação 4T22

Uma coisa que vi recentemente é que houveram muitas vendas de ações por pessoas relacionadas a empresa, lá no site Fundamentus tem um menu novo chamado Insiders que mostra essas movimentações, vejam só: https://www.fundamentus.com.br/insiders.php?papel=hype3&tipo=1 

Talvez estes insiders saibam algo? As projeções para a empresa são boas a princípio, resultados excelentes... será que é maquiagem? Os auditores são a PwC, mesma das Americanas. Que Deus nos proteja se tiver treta nessa também, espero que não e que essas vendas seja só o pessoal embolsando os lucros, apesar que no meu ponto de vista empresa boa não se vende.

Itaúsa - ITSA3 ou ITSA4

Tem data prevista pra divulgar os resultados dia 20/03/23. Essa é outra que não me preocupo muito, gestão excelente, lucro quase sempre subindo, principalmente devido ao banco Itaú, as outras até tem umas Alpagatas da vida que dão prejuízo, mas no geral OK, eu atualizo esse post quando tiver mais detalhes. 

Atualização 28/03: 12% aumento no lucro anual, -19% no trimestral. Sem muito o que falar dela, empresa top, mas talvez fizesse mais sentido ter ITUB, uma velha discussão.

https://www.rad.cvm.gov.br/ENET/frmDownloadDocumento.aspx?Tela=ext&numSequencia=599760&numVersao=1&numProtocolo=1075030&descTipo=IPE&CodigoInstituicao=1

Lojas Quero-Quero - LJQQ3

Esse é o mico que resolvi fazer um swing trade e acabei casando, comprei algumas ações perto dos 9 reais e depois mais um pouco a R$ 5, agora está na faixa dos 3 reais, as vezes até penso de comprar mais um pouco pra reduzir meu preço mérdio

Estes dias entrei em uma das lojas e vi que foi toda reformada, contrataram mais vendedores, só fiquei preocupado que não vi nenhum cliente 😭. Também estão abrindo mais lojas, imagem do release 3T22 abaixo, devem estar investindo o dinheiro obtido com o IPO.

Release 3T22

Ela deve divulgar o resultado mês que vem, mas eu acho que vai vir ruim de novo, passou 2022 o ano todo no prejuízo, acho que melhora só quando os juros caírem e o povo começar construir de novo. Um fato interessante que saiu essa semana é que os fundos do Alaska compraram 20% das ações dela, depois disso a ação subiu 16% em um dia e hoje (17/02/23) subiu um pouco mais, pelo visto não fui só eu que fiquei tentado a entrar nesse negócio, aí fãs do Bredda, vamos perder/ganhar dinheiro juntos? 😁 Mas tu vê como esses fundos influenciam o povo, o simples fato de divulgarem que eles compraram fez a ação subir, quem sabe logo eles já começam a vender? 🦈

Atualização 16/03/2023: Saiu release 4T e resultado veio ainda pior do que eu imaginei. 

Conforme visto na tabela acima, teve crescimento na receita e pequeno lucro no 4T, o resultado anual ficou negativo, prejuízo, conforme o esperado. Vou deixar essa de molho na carteira por enquanto, igual a Grendene, situação periclitante, mas ainda há esperança.

M Dias Branco - MDIA3

Resultados saem dia 17/03, daqui 1 mês. Apesar da sua administração "verticalizada", a empresa ainda sofre com a variação do preço do trigo, no terceiro trimestre do ano passado teve uma melhora nos resultados, voltando a lucrar como "antigamente", estou curioso pra ver se a melhora continua no quarto trimestre, espero que sim.

Atualização 20/03: Saiu resultado do 4T22, lucro minúsculo, ação abriu caindo 12%, já chegou próximo do meu preço médio, se tivesse bola de cristal tinha que ter vendido semana passada.

Release 4T22

Dois pontos negativos para empresa, além da queda no lucro/margens, a empresa agora tem dívidas.

Neste momento estou assistindo a apresentação no youtube, segundo a empresa, o preço do trigo e óleo de palma já caiu mas eles tiveram resultado ruim no 4T porque fizeram um hedge e postergaram o aumento do custo para o 4T que historicamente tem volume de vendas menor devido a sazonalidade, segundo eles tudo friamente calculado. 

Nos próximos trimestres as margens devem voltar a subir e com isso o lucro vai crescer. Veremos.

Porto Seguro - PSSA3

Dessa já saiu o resultado do 4T22, teve um baita aumento no lucro, +87,6% comparando com 4T21.

Results 4T22

Vi que estão planejando recomprar ações o que deve impulsionar as cotações um pouco mais. No geral foi um resultado satisfatório, apesar de que no comparativo anual, as coisas não são tão boas assim, com uma queda de 26% do lucro líquido. 

É uma coisa sinistra, essa tal da sinistralidade... mas enfim, deu pra ver que 2021 também teve alguns "eventos extraordinários", fatos não recorrentes que não devem se repetir tão cedo, e se desconsiderarmos eles, na verdade a queda do lucro foi apenas -3,6% no comparativo anual.

As explicações dos eventos extraordinários:

a) Refere-se ao reconhecimento dos benefícios relacionados aos projetos vinculados à lei de incentivo à pesquisa e desenvolvimento de inovação tecnológica (Lei 11.196/05), que gerou um impacto líquido de R$ 124,6 milhões no resultado do 2T21; e de R$ 42,2 milhões no resultado do 4T21. 

b) Trata-se do reconhecimento do valor justo no acordo entre a Porto.Pet e a Petlove, que gerou um impacto líquido de R$ 152,6 milhões no resultado do 2T21, sendo que no 2T22 tivemos atualização do valor justo da operação para a data-base do “closing” no valor de R$ 42,0 milhões. 

c) Em agosto de 2021 a Companhia efetuou o reconhecimento contábil, no montante de R$ 146,4 milhões, referente a adesão à transação tributária de desconto para a discussão de INSS sobre participação nos lucros e resultados de administradores, conforme Edital RFB/PGFN nº11/2021, eliminando um risco fiscal de mais de R$ 400 milhões de contingências possíveis. 

d) Em 24/09/21, o STF decidiu, em sede de repercussão geral, que o IRPJ e a CSLL não incidem sobre a taxa SELIC recebida pelo contribuinte na devolução de tributos Federais pagos indevidamente (repetição de indébito). Diante de pareceres favoráveis, revertemos os valores de IR e CS diferido que foram constituídos sobre as receitas de atualização dos depósitos judiciais tributários, no valor de R$ 241 milhões em 2021, líquido de PLR constituída sobre esse ganho.

Pra resumir, eu andava um pouco insatisfeito, mas agora estou satisfeito novamente, aguardando os próximos capítulos dessa empresa.

Sanepar - SAPR4

Sanepar, segue com cotação próximo das mínimas, e os resultados do 4T22 até foram bons, olhando os números da empresa não posso reclamar, as vezes os reajustes demoram a serem efetivados, mas temos que pensar um pouco no lado social também, nesses tempos de pandemia os reajustes foram adiados, é o que se espera das empresas estatais.

Destaques da Sanepar no 4T22

Ano passado eu estive comprando "bastante" dela, apesar de todas as quedas, é minha terceira maior posição em ações. Quem sabe eu ainda compre mais um pouco pra reduzir o preço médio que ainda está um pouco alto, R$ 4,22.

Weg - WEGE3

O melhor ficou pro final, novamente Weg reportou aumento no lucro. Conforme o subtítulo do Release: "Resultado sólido e consistente mesmo em cenário desafiador". Os indicadores de rentabilidade subiram, ROIC chegou em 29,4%. EBITDA subiu 38,6%, a receita operacional subiu 22% e o lucro líquido subiu 36,5%, comparando quarto trimestre de 2021.

Principais números 4T2022

Conforme eu falei no post sobre cálculo de preço justo, essa é uma empresa que está sempre "cara" pelos múltiplos de preço, mas olhando esse crescimento absurdo, isso se justifica. Uma forma melhor de precificar essas empresas de crescimento é usar aquela fórmula PEG do Peter Lynch, ou PLC em português: Preço/Lucro/Crescimento, o detalhe é o que usar no C, muitos usam o crescimento do lucro por ação nos anos anteriores.

Essa empresa é top e por enquanto, tirando o preço alto, não tenho do que reclamar.

Conclusões

Fiquei quase a noite toda fazendo esse post, agora já passa da meia noite, e ainda tem várias empresas que faltam divulgar seus resultados, então mês que vem, quando todas tiverem divulgado, eu atualizarei essa publicação com meus comentários finais. 
 
Talvez seja a hora de eu retirar da carteira as empresas que nem crescem nem pagam gordos dividendos, que ficam só ocupando espaço? Por outro lado, também tenho vontade de adicionar mais umas pimentinhas na carteira, depois do mico LJQQ3, estou namorando o mico FIQE3, tem que gostar de sofrer 😈, mas são empresas pequenas, que estão expandindo, quem sabe eu encontro uma tenbagger?

Atualização 20/03: maioria das empresas da minha carteira tiveram aumento nas receitas, repassando inflação e um pequeno crescimento nos volumes, mas a grande maioria também teve queda nas margens e no lucro, 2022 foi um ano fraco.

E não se esqueçam do AVISO, vocês foram avisados!  
Até o futuro!

10 comentários:

  1. Grendene anda de lado já há um tempão, e muita gente reclama desse caixa gigantesco que ela acumulou, mas não vejo problema. É esperar pra ver, o negócio é o longo prazo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que esse caixa aí parado pode ser um sinal de abandono da empresa por parte dos controladores, saíram de férias e deixaram bastante dinheiro em caixa para o caso de problemas :D. A empresa tem várias vantagens competitivas como benefícios fiscais, tem marcas top do mercado, dinheiro sobrando... mas o resultado operacional (margens) vem piorando nos trimestres recentes.

      É possível que em breve ela volte a crescer, mas por enquanto, a impressão que tenho é que os gestores foram curtir a vida, afinal os fundadores já passam dos 70 anos de idade, ou estão cuidando mais dos outros negócios, tipo a Vulcabrás, que é do Pedro também. Eu se fosse eles ia era aproveitar o resto do tempo...

      Pensando no longo prazo, estes momentos ruins podem ser ótimas oportunidades, se você acredita que ela vai voltar a crescer e melhorar sua gestão. Também, comparando com os pares do setor listados por aqui, ainda me parece OK, só ver os resultados horríveis das Alpargatas recentemente. Talvez pra ficar ainda melhor poderiam unir ambas... VULC E GRND em uma só, na prática elas já são parceiras mesmo.

      Vamos aguardar mais um pouco pra ver os próximos resultados. Vender nessa faixa de preço eu acho que não vale a pena, e comprar pro longo prazo ainda é uma aposta.

      Abraços

      Excluir
    2. Aí Mago, saiu release dela, e vão distribuir o dinheiro do caixa para os acionistas :) Acho que pode ser uma boa pro acionista investir esse dinheiro em outros negócios mais rentáveis, mas talvez notícia não tão boa pra empresa, visto que precisa melhorar seus resultados operacionais agora que não vai mais ter o lucro dos investimentos do caixa.

      Excluir
  2. Legal Bilionário! Também estou fazendo uma revisão da minha carteira...A tendência é ter pouca mudança, mas quem sabe...Pra mim o desastre foi a CVC que praticamente evaporou...o valor está tão baixo que vender minha posição não traria ganho algum...as vezes é melhor deixar lá parado e reavaliar daqui a uns 3-5anos... A decisão pela retirada ou colocação de nova carteira nunca é simples e minha tendência é só fazer alterações se deixar de acreditar em alguma empresa (nunca pra tentar surfar má situação de alguma outra ação). Grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá VVI, CVC se lascou com a pandemia, talvez melhore agora, mas nunca olhei seus resultados pra opinar, só vi notícias mesmo. Abraços

      Excluir
  3. Ambev eu já tinha o pé para trás desde que li aquele livro "sonho grande", e também porque acho que ela estraga todas as cervejas que adquire - as cervejas que antes eram artesanais ficam sem graça, todas ficam com o mesmo gosto. Eu geralmente evito comprar cervejas da ambev. Tem vezes que é impossível, mas sempre tento evitar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Mago, conte-me mais sobre esse livro, o que percebeu que ficou desconfiado depois de ler ele?

      Eu bebo tudo que é tipo de cerveja, tem algumas que gosto mais, tipo a Serra malte é uma das antigas que eu gosto mais, Bohemia gosto também, e da concorrência direta a Heineken. Gostei muito da Oktoberfest em Blumenau, muitos tipos de cervejas pra experimentar. Aqui na minha cidade também está se popularizando as artesanais, tem muita gente fazendo a própria cerveja.

      Excluir
    2. Lendo o livro, vi que a cultura organizacional que o trio impõe nas empresas que compram é uma furada. Acho que funciona como uma bomba relógio. Melhora os lucros no curto prazo, mas acho que vai desgastando os funcionários com o tempo e isso pode fazer os resultados ficarem bem ruins. O negócio é que a ambev é a "jóia da coroa" deles, então imagino que os 3 a vigiem mais de perto. Mas tem outras empresas que eles compraram deram uma piorada depois disso (um exemplo são as americanas, e não me refiro ao rombo no balanço, me refiro à qualidade da empresa: há muito tempo elas têm um jeitão de abandonadas com os funcionários desmotivados).

      Excluir
  4. Bilionário,

    Na minha época de faculdade eu tinha um professor que era paga pau de empresas (na época não era modinha bolsa de valores, ele era paga pau dos "negócios"), todos os exemplos dele se limitavam a 5 ou 6 empresas que na época eram as queridas dele, hoje só sobrou Ambev e uma empresa regional entregando algum resultado.

    Interessante o fato mencionado sobre a venda de papéis da Hypera, ela está na minha carteira e gosto do papel e espero não ter problemas com ele. Eu ouvi boatos que ela poderia ser alvo de um processo de aquisição com fechamento de capital por outra empresa, se isso vier a acontecer será uma pena.

    Itaúsa é uma empresa sólida, com o Itaú dentro do portfólio não faz muita diferença alguns trimestres de prejuízo que empresas menores podem entregar. Eles compraram uma participação na CCR (confesso que não gosto do case de concessionárias de pedágio), vamos ver como vão se sair nesse negócio.

    É impressionante a solidez da Sanepar que vai crescendo "devagar e sempre", apesar da Agepar (regulador do Paraná) conceder reajustes muito baixos e conflitos com interesses políticos de várias prefeituras para municipalizar o serviço.

    Porto Seguro sempre ficou fora do meu radar e continua fora da carteira, se não fosse meu desejo de evitar a concentração no setor financeiro/segurador eu colocaria ela para dentro da carteira.

    Weg é uma máquina de resultados, raramente passa por alguma correção. Feliz daquele que encheu o carrinho quando estava em R$ 25 no meio do ano passado.

    O "bom" do Lula é que o stress que ele gera eventualmente no mercado pode oferecer oportunidades de entrar em ativos sólidos como Weg. No ano passado quando rolou aquele populismo eleitoral em junho/julho a Weg deu uma bela queda, sendo que na prática os negócios da empresa eram pouco afetados por todo o stress.

    Abraços,
    Pi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá PI, obrigado pelos comentários.

      E esse seu professor será que ele ainda mantém suas queridinhas em carteira? O Buy é fácil, mas o Hold é bem difícil hehe o pior é que depois de algumas décadas as empresas mudam muito. Algumas das melhores fecham capital, outras são vendidas e as algumas vão a falência mesmo, é muito difícil ver os resultados piorando e não ficar com vontade de vender.

      O Bastter diz que o melhor é não vender nunca, já o Bazin diz que assim que tiverem notícias negativas é pra pular fora da empresa. Eu estou no meio termo, já me desfiz de algumas posições, mas cada vez mais fico pensando porque não comprei PIBB11 desde o começo kkkk

      Abraços

      Excluir

Fique a vontade para contribuir com suas ideias ou dúvidas. Obrigado!

Postagens em alta

Carteira de FIIs 2024 - Buscando oportunidades

Olá pessoal! Depois da migração dos títulos do tesouro direto da XP para o Nubank , fiquei apenas com FIIs na XP, e um saldo de cashback que...