terça-feira, 19 de novembro de 2019

A pirâmide da previdência

Olá!

Estado Rio Grande do Sul (2018)
Nos últimos anos todos acompanhamos as notícias sobre a Previdência, este ano em especial, com a Reforma que foi realizada e discutida durante praticamente todo o ano, muitas mudanças foram feitas para adiar a falência do sistema. Outro assunto que foi bastante noticiado nos últimos dias, foi as diversas pirâmides financeiras, esquemas fraudulentos que enganam as pessoas com promessas de lucros rápidos ou altos rendimentos, mas para isso você precisa convidar mais pessoas para entrar no esquema.

Hoje de manhã enquanto eu tomava meu café e pensava sobre esses assuntos, me veio um pensamento, a nossa previdência é muito parecida com um esquema de pirâmide financeira, confira algumas características em comum:
  • A renda dos aposentados (topo da pirâmide) depende do recrutamento de novos trabalhadores assalariados que pagam um percentual para os que estão no topo.
  • Os que entram primeiro pouco precisam contribuir, porque não existem ou são poucos os beneficiados com o esquema.
  • A tendência é que só os primeiros que entraram tenham alguma renda real, os últimos que entram, apenas pagam e no final pouco recebem, ou no caso de falência do esquema, não recebem nada.
Eu acredito que as pessoas que idealizaram a nossa previdência, não previram as mudanças demográficas que causariam todos estes problemas que estamos enfrentando hoje, pegando como exemplo o estado do Rio Grande do Sul, vemos os servidores públicos recebendo salário parcelado a meses, isso porque o estado não tem mais dinheiro, sendo um dos problemas o fato de que no RS, já existem mais aposentados do que servidores em ativa.

Isso aconteceu devido ao fato de que com a evolução da medicina, conseguimos contornar a maioria dos problemas (doenças) que causavam a morte prematura, tornando possível que nós vivamos o máximo potencial de nossas vidas, confira abaixo dados sobre expectativa de vida no mundo.


A 120 anos atrás a expectativa de vida no Brasil era de apenas 40 anos, agora chega perto de 80, e esse aumento é muito bom, eu quero viver o máximo da minha vida e imagino que você também.

Agora imaginem que a medicina vai continuar evoluindo a um ritmo cada vez mais rápido devido a novas tecnologias, como por exemplo, células tronco e mapeamento do DNA, criando novos seres humanos que além de poderem viver a vida ao máximo, conseguem prolongar sua expectativa de vida indefinidamente, será que ainda vai fazer sentido existir uma previdência? Muitos podem achar que isso nunca vai acontecer, mas eu não teria tanta certeza, basta olhar quanto dinheiro é investido nesse setor anualmente e quantas pesquisas e descobertas estão sendo feitas todos os dias. Pra mim, isso é só questão de tempo.

2 comentários:

  1. Uma ótima análise BZ, infelizmente essa é a triste realidade desse sistema fadado ao fracasso. É só questão de tempo, assim com em qualquer outra pirâmide uma hora fica insustentável.


    https://patrimoniozero.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Situação bem infeliz essa, por isso precisamos alertar os jovens principalmente a criarem suas próprias reservas.

      Excluir